O endotélio vascular por si só é responsável por várias funções homeostáticas dentro de vasos sangüíneos normais, incluindo a função hemostática de manutenção do tônus vascular. O endotélio consegue fazer isso em parte por meio da produção e liberação de uma variedade de fatores de relaxamento e constrição, incluindo o peptídeo ET vasoativo.1 O endotélio normal também tem propriedades antitrombóticas que podem tornar-se pró-trombóticas se o endotélio sofrer agressões ou estiver lesado.1 O balanço delicado exigido para a manutenção do tônus vascular é atingido pela ET e outros vasoconstritores derivados do endotélio que contrabalançam os efeitos vasodilatadores do óxido nítrico, prostaciclina, e outros fatores de relaxamento derivados do endotélio.1
 

Referência

1. Braunwald E, Zipes DP, Libby P, eds. Heart Disease. 2 vols. 6th ed. Philadelphia, PA: WB Saunders Co; 2001:1091, 2100.